sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Parabéns Aurélio do Carmo, 89 anos

No próximo 31 de Janeiro, meu pai completa 89 anos. Pensei, de que forma poderia lhe homenagear publicamente por tão valorosa data. Se tivesse recursos colocaria mensagens de parabéns e apreço por ele em painéis de outdoor espalhados por toda parte deste estado. Porém, o bolso me impede de fazer este tipo de homenagem. Então, me veio a idéia de utilizar a única ferramenta disponível gratuitamente e com um grande alcance que é a internet. E, especialmente, neste blog que ainda está em fase de construção. Essa foi a forma que encontrei para externar o meu carinho, o meu amor, minha admiração e, porque não, minha gratidão para com o meu pai nesses seus 89 anos de vida. A expressão deste sentimento eu divido também com minha família - minha esposa Fernanda e meus filhos: Lucas, Luana, Itamar e Suelen. Hoje, eu e meus filhos temos mais que o seu sangue – temos também o seu nome para zelar e honrar. Nunca ninguém me pediu, mas me autodesignei na missão de não deixar a sua história de vida e de homem público ficar nos anais do esquecimento. Desta vez será por conta do filho do Aurélio – Parabéns meu pai – Parabéns Aurélio Corrêa do Carmo! A vida e a obra de Aurélio do Carmo será mostrada um pouco aqui neste espaço. Aproveito o registro da comemoração de seus 89 anos para publicar alguns registros da pesquisa que estou fazendo a fim de reunir subsídios para um novo livro sobre a sua trajetória até os dias de hoje. E aproveito para solicitar a quem nos possa ajudar a reunir esses registros históricos – como fotos, vídeos, fatos e documentos sobre Aurélio Corrêa do Carmo. Mande pra gente! Para os mais novos e aqueles que nunca ouviram falar de Aurélio do Carmo faremos um breve histórico a seguir: AURÉLIO CORREIA DO CARMO - Nasceu em Belém no dia 31 de janeiro de 1922. Formou-se em Direito. Exerceu carreira de advogado e promotor. Ocupou as funções de secretário do PSD. Foi Chefe de Interior e Justiça. Foi eleito por sufrágio popular governador do Estado do Pará pelo PSD, exercendo a função de 1961 até 12 de março de 1964, quando teve seu mandato cassado abruptamente pelo golpe militar. Aos 89 anos, Aurélio Correa do Carmo tem um currículo reluzente. Ocupou os dois cargos mais elevados de dois dos três poderes no Estado: foi chefe do executivo (Governador do Pará) durante três anos e meio e chegou ao ápice da magistratura, como desembargador do Tribunal de Justiça durante sete anos. Chegou ao topo através de saltos, graças a qualidades pessoais e a circunstâncias, favorecidas por sua capacidade de conciliar e ser simpático. Ao pesquisar os feitos de Aurélio do Carmo como governador, veremos que muita obras e serviços foram realizados em sua gestão. Como ele mesmo admite – “Nunca me preocupei em guardar os registros de quando fui governador, desta forma tenho muito pouco material de minha gestão a frente do Governo do Pará”, lamenta. Entretanto, o blog traz de presente dois vídeos que registram algumas de suas ações em pleno exercício de suas funções como governador. Veja os vídeos.

Um comentário:

  1. olá tudo bem?
    eu gostatia de saber qual a ligaçao do seu pai com a familia estumano e com a ilha do marajo?

    abrigado.

    ResponderExcluir